Bolsonaristas votam contra ampliação de verba federal na educação

22/07/2020 - 10:58

Sete deputados alinhados ao presidente foram vencidos por 499 x 7

Sete deputados da base fiel a Jair Bolsonaro foram os únicos que votaram contra a proposta que aumenta os recursos do governo federal para a educação, ampliando o Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação​).

A proposta de emenda constitucional teve 499 votos favoráveis e 7 contrários: Bia Kicis (PSL-DF), Chris Tonietto (PSL-RJ), Filipe Barros (PSL-PR), Junio Amaral (PSL-MG), Luiz P. O. Bragança (PSL-SP), Márcio Labre (PSL-RJ) e Paulo Martins (PSC-PR).

A proposta foi articulada pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e marcou uma derrota do governo, que previa usar parte da verba para irrigar o novo programa social que Bolsonaro quer lançar, o Renda Brasil. Os deputados não aceitaram vincular o fundo da educação ao programa de transferência de renda.