Webmail CUT

Acesse seu Webmail CUT


Login CUT

Acesse a CUT

Esqueceu a senha?

Federações de servidores municipais mobilizam estados para Jornada em Defesa dos Serviços Públicos

Entidades articulam sindicatos de servidores de mais de 800 prefeituras do país para o lançamento da Jornada, que destaca a importância dos serviços públicos para a vida de milhões de brasileiros.

Escrito por: Déborah Lima • Publicado em: 01/09/2020 - 09:45 • Última modificação: 01/09/2020 - 09:49 Escrito por: Déborah Lima Publicado em: 01/09/2020 - 09:45 Última modificação: 01/09/2020 - 09:49

CONFETAM/CUT .

Reunida virtualmente, no último dia 21, com 40 representantes de servidores municipais de 13 estados, a direção da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal (Confetam/CUT) deliberou pela participação das 18 federações filiadas à entidade na mobilização nacional para o ato virtual de lançamento da Jornada Unitária em Defesa dos Serviços Públicos, marcado para às 18h desta quinta-feira (3).

Dirigentes do Ramo dos Servidores Municipais CUTistas da Bahia, Ceará, Espírito Santo, Maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Sergipe, São Paulo, Santa Catarina, Rio Grande do Norte, Piauí, Paraná e Paraíba se comprometeram a fazer chegar nos municípios a mensagem da Jornada, que destaca a importância dos serviços públicos, das empresas públicas, das estatais e dos trabalhadores do setor para a vida dos brasileiros.

A mobilização deve envolver mais de 800 sindicatos municipais e regionais organizados pelas 18 federações estaduais filiadas à Confetam/CUT, que juntas representam quase 1,5 milhão de trabalhadores de prefeituras de todo o país.

Seminários discutem ameaças ao serviço público

Além do ato de lançamento da Jornada, também estão agendados dois seminários virtuais para discutir temas que afligem as entidades de servidores públicos municipais, estaduais e federais. Na pauta, a construção da unidade e da resistência dos trabalhadores das três esferas de governo contra as privatizações defendidas pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, o projeto de Reforma Administrativa a ser enviado ao Congresso pelo presidente Jair Bolsonaro, a imagem distorcida do serviço público disseminada pelos grandes veículos de comunicação, entre outros desafios.

Com o tema “Os mitos e as verdades sobre servidores e serviços públicos, empresas públicas, estatais e seus trabalhadores", o primeiro seminário está agendado para a noite de 10 de setembro. O segundo será na noite do dia 24 e debaterá “As privatizações, a desnacionalização do patrimônio público e das riquezas nacionais”. As duas atividades virtuais começam às 18h e terminam às 20h.

Confira o programa e agende-se:

Ato virtual de lançamento da Jornada Unitária em Defesa dos Serviços Públicos - 3 de setembro, das 18 às 21h

Seminário Os mitos e as verdades sobre servidores e serviços públicos, empresas públicas, estatais e seus trabalhadores - 10 de setembro, das 18 às 20h

Seminário As privatizações, a desnacionalização do patrimônio público e das riquezas nacionais - 24 de setembro, das 18 às 20h 

Os links das três atividades serão disponibilizados

Título: Federações de servidores municipais mobilizam estados para Jornada em Defesa dos Serviços Públicos, Conteúdo: Reunida virtualmente, no último dia 21, com 40 representantes de servidores municipais de 13 estados, a direção da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal (Confetam/CUT) deliberou pela participação das 18 federações filiadas à entidade na mobilização nacional para o ato virtual de lançamento da Jornada Unitária em Defesa dos Serviços Públicos, marcado para às 18h desta quinta-feira (3). Dirigentes do Ramo dos Servidores Municipais CUTistas da Bahia, Ceará, Espírito Santo, Maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Sergipe, São Paulo, Santa Catarina, Rio Grande do Norte, Piauí, Paraná e Paraíba se comprometeram a fazer chegar nos municípios a mensagem da Jornada, que destaca a importância dos serviços públicos, das empresas públicas, das estatais e dos trabalhadores do setor para a vida dos brasileiros. A mobilização deve envolver mais de 800 sindicatos municipais e regionais organizados pelas 18 federações estaduais filiadas à Confetam/CUT, que juntas representam quase 1,5 milhão de trabalhadores de prefeituras de todo o país. Seminários discutem ameaças ao serviço público Além do ato de lançamento da Jornada, também estão agendados dois seminários virtuais para discutir temas que afligem as entidades de servidores públicos municipais, estaduais e federais. Na pauta, a construção da unidade e da resistência dos trabalhadores das três esferas de governo contra as privatizações defendidas pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, o projeto de Reforma Administrativa a ser enviado ao Congresso pelo presidente Jair Bolsonaro, a imagem distorcida do serviço público disseminada pelos grandes veículos de comunicação, entre outros desafios. Com o tema “Os mitos e as verdades sobre servidores e serviços públicos, empresas públicas, estatais e seus trabalhadores, o primeiro seminário está agendado para a noite de 10 de setembro. O segundo será na noite do dia 24 e debaterá “As privatizações, a desnacionalização do patrimônio público e das riquezas nacionais”. As duas atividades virtuais começam às 18h e terminam às 20h. Confira o programa e agende-se: Ato virtual de lançamento da Jornada Unitária em Defesa dos Serviços Públicos - 3 de setembro, das 18 às 21h Seminário Os mitos e as verdades sobre servidores e serviços públicos, empresas públicas, estatais e seus trabalhadores - 10 de setembro, das 18 às 20h Seminário As privatizações, a desnacionalização do patrimônio público e das riquezas nacionais - 24 de setembro, das 18 às 20h  Os links das três atividades serão disponibilizados



Informativo CONFETAM

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.