Webmail CUT

Acesse seu Webmail CUT


Login CUT

Acesse a CUT

Esqueceu a senha?

Luta das mulheres glorienses é destaque em livro lançado pela Universidade Federal de Sergipe

Livro apresenta artigo da presidenta da FETAM/SE, Itanamara Guedes.

Escrito por: Sindiserve Glória • Publicado em: 22/05/2018 - 14:51 • Última modificação: 22/05/2018 - 17:43 Escrito por: Sindiserve Glória Publicado em: 22/05/2018 - 14:51 Última modificação: 22/05/2018 - 17:43

. Itanamara é presidenta da Federação dos Trabalhadores do Serviço Público Municipal de Sergipe

O programa de pós graduação de Serviço Social (PROSS) da Universidade Federal de Sergipe (UFS) lançou os livros intitulados "Questão agrária e desenvolvimento rural, Mercado de trabalho, qualificação e competências profissionais: desafios para o/a Asssistente Social" e "Temas Gênero, Saúde e Violência". Neste último, consta o artigo “Sujeitos políticos na luta contra as relações desiguais de gênero: uma experiência recente em Nossa Senhora da Glória (SE)”, de autoria de Tereza Martins e Itanamara Guedes, presidenta da Federação dos Trabalhadores do Serviço Público Municipal de Sergipe (FETAM/SE).

O lançamento ocorreu no dia 17 de maio, no auditório da Associação dos Docentes da UFS (ADUFS), e contou com a participação de professores, alunos e assistentes sociais. Na ocasião, também foi lançado o livro "Serviço Social e Educação: Contribuição ao debate em uma perspectiva crítica", organizado pelas mestres e mestrandas do PROSS/UFS.

Mulheres como sujeitos políticos forjados na luta

O artigo analisou a "constituição dos sujeitos políticos forjados nas lutas do contexto nacional, cujas determinações político-econômicas contribuíram e contribuem para a definição do seu papel na conquista de direitos para a classe trabalhadora e de políticas públicas para as mulheres", destacou Tereza Martins.

Nesse âmbito, o artigo discute a experiência de luta do Movimento de Mulheres por políticas públicas no município de Nossa Senhora da Glória (SE) como um processo recente de constituição de sujeitos políticos. "Além disso, a publicação do artigo é uma forma de discutir os avanços e limites da organização política das mulheres e também de dar visibilidade à luta dessas mulheres que hoje é referência Sergipe", afirmou Itanamara Guedes.

Título: Luta das mulheres glorienses é destaque em livro lançado pela Universidade Federal de Sergipe, Conteúdo: O programa de pós graduação de Serviço Social (PROSS) da Universidade Federal de Sergipe (UFS) lançou os livros intitulados Questão agrária e desenvolvimento rural, Mercado de trabalho, qualificação e competências profissionais: desafios para o/a Asssistente Social e Temas Gênero, Saúde e Violência. Neste último, consta o artigo “Sujeitos políticos na luta contra as relações desiguais de gênero: uma experiência recente em Nossa Senhora da Glória (SE)”, de autoria de Tereza Martins e Itanamara Guedes, presidenta da Federação dos Trabalhadores do Serviço Público Municipal de Sergipe (FETAM/SE). O lançamento ocorreu no dia 17 de maio, no auditório da Associação dos Docentes da UFS (ADUFS), e contou com a participação de professores, alunos e assistentes sociais. Na ocasião, também foi lançado o livro Serviço Social e Educação: Contribuição ao debate em uma perspectiva crítica, organizado pelas mestres e mestrandas do PROSS/UFS. Mulheres como sujeitos políticos forjados na luta O artigo analisou a constituição dos sujeitos políticos forjados nas lutas do contexto nacional, cujas determinações político-econômicas contribuíram e contribuem para a definição do seu papel na conquista de direitos para a classe trabalhadora e de políticas públicas para as mulheres, destacou Tereza Martins. Nesse âmbito, o artigo discute a experiência de luta do Movimento de Mulheres por políticas públicas no município de Nossa Senhora da Glória (SE) como um processo recente de constituição de sujeitos políticos. Além disso, a publicação do artigo é uma forma de discutir os avanços e limites da organização política das mulheres e também de dar visibilidade à luta dessas mulheres que hoje é referência Sergipe, afirmou Itanamara Guedes.



Informativo CONFETAM

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.