Webmail CUT

Acesse seu Webmail CUT


Login CUT

Acesse a CUT

Esqueceu a senha?

Seminário Internacional discutirá a Reforma Trabalhista

Promovido pelo Instituto Lavoro, atividade ocorrerá no mês de novembro.

Escrito por: Divulgação • Publicado em: 15/09/2017 - 15:03 • Última modificação: 20/09/2017 - 15:15 Escrito por: Divulgação Publicado em: 15/09/2017 - 15:03 Última modificação: 20/09/2017 - 15:15

. .

O Instituto Lavoro realiza nos dias 23 e 24 de novembro, em São Paulo, o III Seminário Internacional Reforma Trabalhista - Crise, Desmonte e Resistência. Durante a atividade, serão apresentadas experiências de diversos países, entre eles Argentina, Espanha, Itália, México, Peru e Portugal.     

Em nome de uma modernização duvidosa, o Congresso Brasileiro aprovou, em 14/07/2017, uma legislação trabalhista que desestrutura completamente o sistema de relações de trabalho. As experiências internacionais de flexibilização das leis trabalhistas, constantemente citadas em discursos políticos, não são conhecidas nem debatidas em profundidade.

O seminário quer promover a troca de experiências relativas à desestruturação do mundo do trabalho e, assim, oferecer um debate qualificado sobre a flexibilização do trabalho, seus impactos econômicos e sociais e as eventuais formas de resistência.

A programação do seminário compreende a realização de três painéis:

• Realidades espanhola, mexicana e peruana;
• Realidades brasileira, italiana e portuguesa;
• Impactos da flexibilização trabalhista no Sindicalismo.

Vagas limitadas

Clique aqui
e garanta a sua inscrição

Título: Seminário Internacional discutirá a Reforma Trabalhista, Conteúdo: O Instituto Lavoro realiza nos dias 23 e 24 de novembro, em São Paulo, o III Seminário Internacional Reforma Trabalhista - Crise, Desmonte e Resistência. Durante a atividade, serão apresentadas experiências de diversos países, entre eles Argentina, Espanha, Itália, México, Peru e Portugal.      Em nome de uma modernização duvidosa, o Congresso Brasileiro aprovou, em 14/07/2017, uma legislação trabalhista que desestrutura completamente o sistema de relações de trabalho. As experiências internacionais de flexibilização das leis trabalhistas, constantemente citadas em discursos políticos, não são conhecidas nem debatidas em profundidade. O seminário quer promover a troca de experiências relativas à desestruturação do mundo do trabalho e, assim, oferecer um debate qualificado sobre a flexibilização do trabalho, seus impactos econômicos e sociais e as eventuais formas de resistência. A programação do seminário compreende a realização de três painéis: • Realidades espanhola, mexicana e peruana; • Realidades brasileira, italiana e portuguesa; • Impactos da flexibilização trabalhista no Sindicalismo. Vagas limitadas Clique aqui e garanta a sua inscrição



Informativo CONFETAM

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.