Webmail CUT

Acesse seu Webmail CUT


Login CUT

Acesse a CUT

Esqueceu a senha?

Sessão solene celebra 15 anos da Confetam/CUT

Evento recordou momentos históricos e celebrou luta dos servidores municipais.

Escrito por: Confetam/CUT • Publicado em: 28/09/2015 - 23:18 • Última modificação: 09/10/2015 - 11:20 Escrito por: Confetam/CUT Publicado em: 28/09/2015 - 23:18 Última modificação: 09/10/2015 - 11:20

Comfetam/CUT | Washington Forte

Uma noite de memórias e emoções, assim foi a sessão solene que homenageou os 15 anos da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal (Confetam/CUT). O evento, realizado nesta segunda-feira (28), integrou o primeiro dia da 7ª Plenária Nacional da entidade, em Brasília (DF).
 
Após a apresentação de um vídeo com histórico da organização sindical, a presidenta da Confetam/CUT, Vilani Oliveira, agradeceu a presença de todos e emocionou-se ao lembrar das lutas enfrentadas ao longo destes 15 anos. "A luta só tem sentido se for na coletividade. É isso que nos faz fortes, é isso que é a Confetam/CUT. Que saiamos daqui mais fortalecidos compreendendo nosso compromisso por um serviço público de qualidade, mas, acima de tudo, por uma sociedade melhor", disse.
 
A solidariedade também foi destacada por Graça Costa, secretária de Relações de Trabalho da CUT Brasil e ex-presidenta da Confetam/CUT. "É uma satisfação imensa ver esse crescimento, hoje estamos em mais de mil municípios. E tudo o que fizemos foi com amizade, solidariedade, pensando no coletivo. Só há um momento em que lutamos única e exclusivamente pela categoria: a campanha salarial. O restante da nossa atuação é em defesa de todos", ressaltou.
 
Esta união dos servidores, para além de questões salariais, foi mostrada por Cícera Isabel, ex-dirigente da Confetam/CUT. "Fico muito emocionada em falar da Confederação, porque essa entidade faz parte da minha história. Graças à solidariedade dos companheiros e companheiras que estou aqui hoje. É essa emoção que nos sustenta e nos faz viver", relatou.
 
O poder de mobilização e organização dos servidores municipais foi destaque na fala de várias autoridades. O senador Paulo Paim (PT-RS) enfatizou que os servidores têm um papel fundamental na vida do povo e elogiou a Confetam/CUT por lutar por causas. Para ele, "defender causas e não coisas é a caminhada natural para consquitas relevantes para todos".
 
Max Leno, do Dieese, reconhece que a Confederação está sempre renovando as pautas do serviço público municipal, preocupada com o país. "É com grande satisfação que vejo o Dieese crescendo e municiando entidades como a Confetam/CUT, ajudando a construir um Brasil melhor", falou.
 
Internacional
A Organização Internacional do Trabalho (OIT) também se fez presente na solenidade, representada por Stanley Garcec, para quem a Confetam/CUT é "uma das entidades mais alinhadas com o direito trabalhista internacional, sobretudo na defesa das convenções da OIT".
 
O reconhecimento fora do Brasil ainda veio pela Internacional dos Serviços Públicos (ISP). "É uma grande alegria ver como vocês conduzem com empenho a luta dos municipais. É um orgulho para a ISP fazer parte dessa história", disse Jocélio Drumonnd.
 
Paula Leite, da Confederação dos Trabalhadores Municipais das Américas (Contram), endossou o apoio das entidades, ressaltando que os 15 anos de história foram construídos com a ajuda da ISP e da Central Única dos Trabalhadores (CUT). Ela convocou todos/as a prosseguir com o trabalho para "crescer, fortalecer e dar visibildiade aos servidores municipais".
 
Força feminina
Com 78% da base formada por mulheres, a Confetam/CUT luta permanente pela equidade de genêro e igualdade de oportunidades, fato respaldado por Carmen Foro, da CUT Brasil. "Viva a ousadia dessas trabalhadoras que se organizaram em uma confederação atuante", frisou.
 
A fala foi realçada por Juneia Batista, do Comitê de Mulheres da ISP. "A história da Confetam/CUT é de mulheres. Temos homens valorosos, mas foram as mulheres que encabeçaram essa luta e ainda temos muito a caminhar", complementou.
 
A solenidade ainda contou com a primeira edição do Troféu Confetam/CUT, homenagem dedicada a instituições e pessoas que colaboram com o movimento sindical e o desenvolvimento do país. A comenda foi entregue a CUT Brasil, ISP, OIT, Contram, Dieese, Senador Paulo Paim, Graça Costa, Juneia Batista, Cícera Isabel, funcionários da Confederação e todas as federações filiadas.
Título: Sessão solene celebra 15 anos da Confetam/CUT, Conteúdo: Uma noite de memórias e emoções, assim foi a sessão solene que homenageou os 15 anos da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal (Confetam/CUT). O evento, realizado nesta segunda-feira (28), integrou o primeiro dia da 7ª Plenária Nacional da entidade, em Brasília (DF).   Após a apresentação de um vídeo com histórico da organização sindical, a presidenta da Confetam/CUT, Vilani Oliveira, agradeceu a presença de todos e emocionou-se ao lembrar das lutas enfrentadas ao longo destes 15 anos. A luta só tem sentido se for na coletividade. É isso que nos faz fortes, é isso que é a Confetam/CUT. Que saiamos daqui mais fortalecidos compreendendo nosso compromisso por um serviço público de qualidade, mas, acima de tudo, por uma sociedade melhor, disse.   A solidariedade também foi destacada por Graça Costa, secretária de Relações de Trabalho da CUT Brasil e ex-presidenta da Confetam/CUT. É uma satisfação imensa ver esse crescimento, hoje estamos em mais de mil municípios. E tudo o que fizemos foi com amizade, solidariedade, pensando no coletivo. Só há um momento em que lutamos única e exclusivamente pela categoria: a campanha salarial. O restante da nossa atuação é em defesa de todos, ressaltou.   Esta união dos servidores, para além de questões salariais, foi mostrada por Cícera Isabel, ex-dirigente da Confetam/CUT. Fico muito emocionada em falar da Confederação, porque essa entidade faz parte da minha história. Graças à solidariedade dos companheiros e companheiras que estou aqui hoje. É essa emoção que nos sustenta e nos faz viver, relatou.   O poder de mobilização e organização dos servidores municipais foi destaque na fala de várias autoridades. O senador Paulo Paim (PT-RS) enfatizou que os servidores têm um papel fundamental na vida do povo e elogiou a Confetam/CUT por lutar por causas. Para ele, defender causas e não coisas é a caminhada natural para consquitas relevantes para todos.   Max Leno, do Dieese, reconhece que a Confederação está sempre renovando as pautas do serviço público municipal, preocupada com o país. É com grande satisfação que vejo o Dieese crescendo e municiando entidades como a Confetam/CUT, ajudando a construir um Brasil melhor, falou.   Internacional A Organização Internacional do Trabalho (OIT) também se fez presente na solenidade, representada por Stanley Garcec, para quem a Confetam/CUT é uma das entidades mais alinhadas com o direito trabalhista internacional, sobretudo na defesa das convenções da OIT.   O reconhecimento fora do Brasil ainda veio pela Internacional dos Serviços Públicos (ISP). É uma grande alegria ver como vocês conduzem com empenho a luta dos municipais. É um orgulho para a ISP fazer parte dessa história, disse Jocélio Drumonnd.   Paula Leite, da Confederação dos Trabalhadores Municipais das Américas (Contram), endossou o apoio das entidades, ressaltando que os 15 anos de história foram construídos com a ajuda da ISP e da Central Única dos Trabalhadores (CUT). Ela convocou todos/as a prosseguir com o trabalho para crescer, fortalecer e dar visibildiade aos servidores municipais.   Força feminina Com 78% da base formada por mulheres, a Confetam/CUT luta permanente pela equidade de genêro e igualdade de oportunidades, fato respaldado por Carmen Foro, da CUT Brasil. Viva a ousadia dessas trabalhadoras que se organizaram em uma confederação atuante, frisou.   A fala foi realçada por Juneia Batista, do Comitê de Mulheres da ISP. A história da Confetam/CUT é de mulheres. Temos homens valorosos, mas foram as mulheres que encabeçaram essa luta e ainda temos muito a caminhar, complementou.   A solenidade ainda contou com a primeira edição do Troféu Confetam/CUT, homenagem dedicada a instituições e pessoas que colaboram com o movimento sindical e o desenvolvimento do país. A comenda foi entregue a CUT Brasil, ISP, OIT, Contram, Dieese, Senador Paulo Paim, Graça Costa, Juneia Batista, Cícera Isabel, funcionários da Confederação e todas as federações filiadas.



Informativo CONFETAM

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.